Categorias
Reflexão

O que é Modernidade Líquida? Entenda Agora com Exemplos Práticos

O que é modernidade líquida?

Segundo Zygmunt Bauman, esse termo representa a sociedade moderna que, assim como um fluído, está sempre em constante mudança.

Nesse sentido, a constante oferta de possibilidades só é possível graças aos avanços que a humanidade conquistou nos últimos 100 anos.

Assim, os indivíduos nunca tiveram tanto poder de decisão como tem agora.

As obras de Zygmunt Bauman exploram o que é modernidade líquida, quais são as suas contradições e como elas nos afetam como indivíduos.

O que é Modernidade Sólida?

O que é Modernidade Líquida: Modernidade Sólida.

Comparar os dias de hoje com a realidade de algumas décadas atrás é a melhor forma de entender o que é modernidade líquida.

Nesse sentido, o mundo que existia no início do século passado poderia ser definido pela palavra ordem.

Naquela época, o modelo fordista de produção industrial era o rosto do capitalismo.

Seu modelo de regulação era responsável por separar os aspectos manual e intelectual do trabalho, com o objetivo explícito de controlar a vida dos trabalhadores

Para o bem ou para o mal, cada indivíduo tinha a certeza garantida da sua função dentro da fábrica.

Dessa forma, o capitalismo promovia uma espécie de engenharia social orientada pela criação de padrões.

Dentro de uma fábrica fordista, por exemplo, as atividades humanas eram reduzidas a movimentos simples, rotineiros e predeterminados.

Além disso, os funcionários eram destinados a serem mecanicamente obedientes, proibidos de desenvolver qualquer forma de espontaneidade.

Como consequência, esse padrão de comportamento se repetia com frequência também nas relações sociais.

Assim, ao contrário da atual modernidade líquida, a modernidade sólida era inimiga do diferente, da variedade, da ambiguidade, da instabilidade, tendo declarado guerra contra todas essas “anomalias”.

O que é Modernidade Líquida?

O que é Modernidade Líquida?

Ser moderno significa ser incapaz de parar.

Dentro da modernidade líquida temos o dever de estarmos sempre a frente de nós mesmo. Nesse sentido, nossa identidade só pode existir como projeto não-realizado.

Por isso, jamais olhe para trás, ou para cima. Mas olhe para dentro de você mesmo, onde supostamente residem todas as ferramentas necessárias ao aperfeiçoamento da vida.

Assim, o movimento constante é motivado pela impossibilidade de atingir a satisfação.

Para que você entenda o que é modernidade líquida com ainda mais clareza, recomendamos a leitura desses outros dois artigos, aqui nesse mesmo blog:

Para se aprofundar ainda mais, adquira seu exemplar do livro Modernidade Líquida agora através do nosso link patrocinado. Dessa forma você apoia nosso trabalho, e ajuda a manter esse blog no ar.

Quero encomendar meu exemplar agora!

Até o próximo artigo!

“Participamos do Programa de Associados da Amazon, um serviço de intermediação entre a Amazon e os clientes, que remunera a inclusão de links para o site da Amazon e os sites afiliados.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *